domingo, 14 de setembro de 2008

A razão do Presidente

Devo reafirmar o que já aqui escrevi: o Presidente da República tem toda a razão, na questão de fundo, sobre o Estatuto dos Açores. É inadmissível alterar, por Lei infraconstitucional, os poderes do Presidente da República. Ou de qualquer outro órgão de soberania.

8 comentários:

Ricardo Araújo disse...

Boa noite Dr. Pedro Santana Lopes penso que sobre este assunto já muito foi dito e escrito e penso ainda que o País está com problemas muito mais graves do que este.
Não podemos fazer deste caso um caso extremo, pois se assim for e o partido socialista vem como os restantes partidos fizerem aprovar o diploma tal qual ele está, não restará outra alternativa ao P.R. que não seja dissolver o Parlamento.
Com os meus cumprimentos, atenciosamente.
Ricardo Araújo.

Açores- independência! disse...

Pode ter razão,Dr, embora a questão concretamente em causa não deixe de ser surpreendente, pela sua insignificância...

Seria bom que os senhores presidentes da república ( inauguração levada a efeito pelo Dr Soares)esquecessem ser monarcas sem trôno e pusessem em marcha a lógica do sistema semi-presidencialista.O acordar de sonos esporádicos, apimentados com algumas atitudes de sabor partidário, trazem pouca substância ao que motivou a nossa arquitectura constitucional.

Enquanto o país participa à saciedade de uma visão ultra-liberal europeia, com o holocausto que Socrates está a imprimir na classe media portuguesa ( terrorismo fiscal.Desemprego e precarisação, impostos proporcionalmente desiguais), o Presidente da República faz de uma questão de lana caprina um espectáculo desconcertante de falta de conteúdo ( ou , se se preferir)- leitura brejeira dos poderes constuticionais conferidos à presidência- que serve mais interesses político-partidários.Ainda com a agravante de se saber que as regiões autónomas são presa fácil de uma opinião pública que, a vivermos por volta de 1917 numa Alemanha efervescente, teria aceitado que os judeus eram a causa de todos os males...

Neste Portugal que ainda não mudou a sua arquitectura constitucional, conservando um sistema napoleónico que nunca trouxe bom mister...

Entretando, o país continua sob a batuta de um neo-liberalismo tão em voga na União Europeia- sem alma.A exigir sacrifícios aos sacrificados e a prescindir dos valores "civilisacionais" que a Revolução Francesa trouxe ao mundo.Pena!

AP disse...

Também concordo. Mas infelizmente há por ai muita gente que não se "enxerga"...

joyce disse...

Dr. Pedro Santana Lopes


Nada melhor que ler o noticiário estrangeiro - UMA VERGONHA!


"DESARROLLO-PORTUGAL:De mal en peor

LISBOA, 9 sep (IPS) - Las cifras no mienten y son alarmantes. Los más diversos informes de instituciones internacionales sobre el desarrollo económico, social y educacional son recibidos como un balde de agua fría en Portugal.(...)" in

http://www.ipsnoticias.net/nota.asp?idnews=89706

J.Ferreira disse...

Oh Mr Pedro,

Por favor, o senhor não precisa da boleia do presidente para nada.

Se por um lado mostra elevação ao emitir o seu apoio, por outro lado de Belém o meu amigo só recebe facadas!!!

Por isso é melhor mudar de tema.


J.Ferreira
Porto

Anónimo disse...

sr. depois de almoço complicado "sendo eu ninguem "venho desejar que v.ex se candidate a cml esperando,contudo, dada a sua experiencia uma melhor escolha de quem o "cerca".
explicações...quem as quer
as maiores felecidades
inoxent..

inoxent disse...

pena eu tenho de v.ex quando aqui..se tenha sedusido pelo poder.....se tenha rodeado de nescios....que o lambusaram todo com linguas de palmo e meio
desiludui-me...mas eu nada sou nem pretençoes tenho.
criticas longe de mim
desejo que a "justiça" como eu a entendo, moral e recta se torne seu apanágio.
pro mal e pro bem voto em si

inoxent disse...

de nada nada se recebe e do dr cavaco nada se tem............