quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

Nota breve

Em relação a um título de um jornal de amanhã que vi na SIC Notícias, devo precisar que não há nenhuma divisão com Luís Filipe Menezes. Tive de fazer um esclarecimento por causa do conteúdo de notícias que ouvi na noite de ontem, na televisão, e que diziam que os Deputados, nomeadamente eu, iríamos ser aconselhados sobre o modo como "comunicar" Tão só isso. Importante, de qualquer maneira. Mas não tentem criar divisões porque seria tarefa sem sucesso.

20 comentários:

... disse...

Caro Dr. Santana Lopes,

Veja-se com atenção a abordagem feita às afirmações de dois políticos sobre a polémica em causa.

Ribau afirma que “O gabinete de comunicação terá uma solução de gestão directa com o secretário-geral, em representação do presidente do partido, e com o presidente do grupo parlamentar”.

A Lusa, ou alguém disfarçado de LUSA, redige o seguinte:
"PSD: Cunha Vaz integra gabinete em gestão directa com Ribau e Santana".

Por outro lado, Vitalino Canas diz que “Quando há necessidade da mensagem ser difundida de forma mais sistemática e articulada, recorremos e vamos continuar a recorrer às agências de comunicação”.

A Lusa, ou alguém disfarçado de LUSA, com a ponderação que o lápis exige, redige:
" PS apenas admite recorrer a agências de comunicação em campanha".

Face à díspar interpretação e à deconexa relação entre as afirmações e as deduções, perguntar-se-á:
A LUSA será a Agência do Governo e do famigerado Engenheiro?
A LUSA redige com lápis azul este país?

Quanto aos jornalistas que não pensam porque não querem e que papaguearam aqueles divinos ditames, informa-se que o Parque Ornitológico do País já está repleto de papagaios e catatuas… Por isso, vão dar banho ao cão para outras bandas…

A todos os que deontologicamente ilustram que «o jornalista deve relatar os factos com rigor e exactidão e interpretá-los com honestidade» manifesta-se aqui o reconhecimento da vossa contribuição para a elevação dos valores da democracia e da liberdade.

O contrário é pressupor que pensam ser reis em terra de cegos... Mas a vossa ignorância, Sr.s pseudo-jornalistas, vai ao ponto de não verem que andam nús?

Viva a Liberdade de Imprensa!

Pesaran Correia

... disse...

Caro Dr. Santana Lopes,

Veja-se com atenção a abordagem feita às afirmações de dois políticos sobre a polémica em causa.

Ribau afirma que “O gabinete de comunicação terá uma solução de gestão directa com o secretário-geral, em representação do presidente do partido, e com o presidente do grupo parlamentar”.

A Lusa, ou alguém disfarçado de LUSA, redige o seguinte:
"PSD: Cunha Vaz integra gabinete em gestão directa com Ribau e Santana".

Por outro lado, Vitalino Canas diz que “Quando há necessidade da mensagem ser difundida de forma mais sistemática e articulada, recorremos e vamos continuar a recorrer às agências de comunicação”.

A Lusa, ou alguém disfarçado de LUSA, com a ponderação que o lápis exige, redige:
" PS apenas admite recorrer a agências de comunicação em campanha".

Face à díspar interpretação e à deconexa relação entre as afirmações e as deduções, perguntar-se-á:
A LUSA será a Agência do Governo e do famigerado Engenheiro?
A LUSA redige com lápis azul este país?

Quanto aos jornalistas que não pensam porque não querem e que papaguearam aqueles divinos ditames, informa-se que o Parque Ornitológico do País já está repleto de papagaios e catatuas… Por isso, vão dar banho ao cão para outras bandas…

A todos os que deontologicamente ilustram que «o jornalista deve relatar os factos com rigor e exactidão e interpretá-los com honestidade» manifesta-se aqui o reconhecimento da vossa contribuição para a elevação dos valores da democracia e da liberdade.

O contrário é pressupor que pensam ser reis em terra de cegos... Mas a vossa ignorância, Sr.s pseudo-jornalistas, vai ao ponto de não verem que andam nús?

Viva a Liberdade de Imprensa!

Pesaran Correia

carlos disse...

Dr Pedro Santana Lopes
Era previsível que esta seria a jogada deste tipo de gente mas,estou crente,que nem o Senhor, nem o Dr Luis Filipe Menezes entrarão nisso.
E digo previsível, porque os seus quatro meses de governo representaram na comunicação social o mesmo que quatro legislaturas e,ainda hoje, o seu nome figura como um dos que mais contribuiram para os males que os portugueses andam a sofrer.
Agora como o Dr Santana Lopes tem vindo a demonstrar que sabe onde está e o que deve ser feito o melhor mesmo é arranjar desentendimentos na cúpula do Partido.
Tenho a sensação canalha que o tal bloco central que de vez em quando é chamado para justificar certas maldades existe,de facto,mas contra si,Dr Pedro Santana Lopes.
Aceite,por favor,os meus cumprimentos
c.monteiro de sousa

Falcão disse...

Lá se foi a dúbia "liberdade de expressão" com o... com o... ai! falta-me o termo certo...

Anónimo disse...

Ah, mais uma coisa.
O meu e-mail é acostacabral@netcabo.pt.

Anónimo disse...

Caro Pedro, nunca votei em si.
Nunca concordei consigo nem tropecei em simpatias por ter escolhido um meu amigo dos "final 70's" (com quem também, entretanto, deixei de concordar) para ministro na sua flash governação e actualmente seu colega de bancada.
Mas você realmente não precisa de um consultor de imagem e comunicação, de um aconselhador de falas, muito menos de um professor de dicção.
Já pensou criar você mesmo uma empresa de consultadoria de bem parecer? Você é mestre! Tome-o como elogio!

Felipe P. disse...

Meu caro companheiro de Partido. Quero que saiba antes de mais, que tenho por si uma grande estima e que até hoje, tenho estado sempre do seu lado, naquilo a que chamamos "o combate político". No entanto olho com grande preocupação para o futuro do PPD/PSD. Isto porque sinto que tarda em aparecer a tal oposição forte e diária ao Governo de Sócrates.
.
Tenho visto alguns debates na ARtv e tenho que felicita-lo pelo seu desempenho, que muito me tem agradado. Mas mesmo não acreditando nas noticias de "que não há nenhuma divisão com Luís Filipe Menezes", esta espécie de liderança bicéfala tarda em arrancar em força, para a "tal oposição" prometida já para este mês de Janeiro.
.
O PPD/PSD não deveria ser noticia por causa de agências de comunicação, ou por lutas internas de poder, mas sim, por projectos e propostas que visem melhorar a condição de vida dos portugueses, permitindo a estes que construam um Portugal cada vez melhor.
.
Dr. Pedro Santana Lopes conto consigo, como já contei no passado, para criar alternativas a esta má governação socialista, que tem arrastado o país para a cauda da União Europeia. Portugal precisa de um PPD/PSD diferente, principalmente deste PS, com ousadia e a garra necessárias para enfrentar-mos os desafios do presente e do futuro.

Anónimo disse...

Caro Dr. Santana Lopes

É com agrado que vejo desmentida esta notícia, seria prejudicial para o país, principalmente para um futuro próximo, 2009... Portugal precisa da vossa união e principalmente da união de todos os portugueses...

Numa altura em que o governo abandona descaradamente os jovens (fim do arrendamento para jovens), poe em marcha o programa "Porta 65" é a maior medida fantasma para os jovens, até as pessoas que trabalham nos Institos da Juventude condenam este programa e realçam que é apenas para prejudicar os jovens e não para ajudar, em breve, se não estamos já a ser novamente um país com grandes indices de emigração, a par dos anos 60/70...
Numa altura em que este governo abandona principalmente os idosos com os fechos das urgências, onde vimos ultimamente morrerem pessoas devido a esta medida, é triste, é vergonhoso, mas é a pura e dura realidade deste país, e ainda vemos o Sr. Ministro com um sorriso na tv aquando da morte de um bebé em Anadia, É VERGONHOSO...

Em breve voltaremos a ver o licenciado José Socrates na oposição, lugar de onde nunca devia ter saído, isto porque em 2009 os portugueses farão o seu ajuste de contas com este governo, principalmente aqueles que "depositaram" o seu voto no PS em 2005. Por isto e porque Portugal precisa da união de Santana Lopes e Luis Filipe Menezes nas eleições de 2009, em prol de um Portugal com futuro, não se deixem intimidar principalmente, pela comunicação social, todos vimos em 2005, em 4 meses de governação do Dr. Santana Lopes, sempre criticas destrutivas e nunca criticas construtivas.

Não vamos nunca deixar de relembrar o nosso eterno lider, Francisco Sá Carneiro.

Viva Portugal

Viva o PPD/PSD

Eng. Rui Costa

Paulo Alves disse...

Mas por que acha que alguém se lembraria que o PSD está em desagregação?

Anónimo disse...

Caro companheiro:

Embora visite regularmente o seu blog, nunca comentei, porque nada mais havia a dizer. Vou fazê-lo, porque começo a estar enojada do tipo de inuendos da «central de (des)comunicação»:

1º o companheiro Pedro era tudo -excepto 'bom rapaz'. Pessoas a quem deu literalmente de comer, morderam-lhe a mão: uns porque receberam ordens do boss; outros porque lhes foi ordenado do 'alto' -o mesmo 'alto', que reuniu em Côja, para organizar o golpe de estado, que acabou com o seu governo (tive pena de não ver isso relatado no seu livro, mas entendo...);

2º O companheiro LFM era, e cito «um pateta»; nunca seria presidente e se fosse lá emigrariam as elites.

3º foi presidente e a auto-nomeada elite, infelezmente, não desapareceu e continuou o seu trabalho de destruir o PSD...;

4º quando o companheiro Pedro foi eleito para a chefia do grupo parlamentar, ainda foram buscar o não 'bom rapaz', mas como se estavam a repetir e alguns Psd's repetiam a agit prop PS e parecia mal -desistiram;

5º tentaram elevar o seu ego, de modo a opor-se a LFM -não conseguiram;

6º agora dizem que, os dois companheiros, não se entemdem.

São sempre os mesmos -PS e os seus acólitos PSD's- lutando pela visibilidade; também pela destruição do país; também ainda pelo projecto de miserabilização do país; e mais pela sua mexicanização política.


Não sei se resultará, mas se em vez de os desmentir, por palavras e actos, cite-lhes o provérbio Rom: «os cães ladram mas a caravana passa».

A ver se se enxergam!...

Inês Tavares

monárquico disse...

DR Santana lopes: eu gostaria de ter alternativa ao P.S.. Mas com afirmações ,como a de hoje, de juntar os ministérios da justiça e da administração interna o sr também não sai bem na foto. Faça um almoço com o menezes e explique-lhe a separação de poderes , qualquer aluno do secundario deve saber isso!Ouçam o pais e proponham as medidas que se impõem, para serem credíveis.
com consideração

jmp disse...

Um desastre! É o que está a acontecer com a governação do socialismo sem alma nem sentimentos. Mas não me parece que haja tempo a perder com distrações. O medo instalou-se, mas a esperança também: no próximo ano o PSD vai governar. A responsabilidade é grande.

... disse...

Caro Dr. Santana Lopes,

Perante as posições que abaixo transcrevo, solicito a V.Ex.a que convide os comentadores da treta que deambulam por aqui, os tais "sô tores" com verrino e grosseiro fel a comentar as posições de ilustres, mais Alegre que Pulido, seja dito, desculpem-me a não equidistância, que souberam reconhecer o mérito da sua acção.

Pelas minhas contas, ainda agora o jogo começou e já está em vantagem

"O deputado do PS Manuel Alegre eo historiador Vasco Pulido Valente elogiaram esta sexta-feira Pedro Santana Lopes por ter recusado qualquer aconselhamento ..."

Que o reconhecimento de ilustres pensadores não seque a dimensão racional dos demais...

Subscrevo-me expectando,
Pesaran Correia

Ana Narciso disse...

Dr Santana Lopes,
Há problemas bem mais importantes do que a "imagem" para resolver: as escolas estão sufocadas com tanta alteração ao seu funcionamento a meio de uma ano lectivo. Não há palavras para descrever o clima de insatisfação e de angustia que paira nas salas de professores. As corporações de Bombeiros vêem o seu futuro incerto, as populações inquietas sem perceberem as razões poderosas para o encerramento dos cuidados de saúde de proximidade, a economia internacional obriga-nos a repensar as nossas vidas ... e o que chega do PSD é a preocupação com a acreditação de uma Empresa de Imagem? Assim não vamos lá Dr Pedro Santana Lopes . E é pena porque este governo está sem rumo.

Pedro disse...

E, qual seria o problema de, numa questão particular, haver diferentes maneiras de pensar entre o líder do partido e o líder da bancada parlamentar? Nenhum...
O PSD é um partido onde a liberdade de pensar deve ser imune a quaisquer pressões ditatoriais. Outros partidos não poderão dizer o mesmo...
Apenas critico o facto de determinadas matérias virem a público, sem haver necessidade para tal. Há matérias que devem ficar no interior do partido...
Abraço

M. José Salgado disse...

De facto essas Agências hoje apoiam A amanhã B, parece o Director de Programas da RTP, que é pública que passou para a concorrente SIC, ou o Presidente da CGD que passou para o concorrente BCP.

O que parece importante, diferente e insuspeito, é o Grupo Parlamentar do PSD, ter junto de si, um ou dois militantes do PSD e já agora daqueles que não são do contra, que sejam profissionais na área da Comunicação e Marketing, e façam assessoria ou consultoria ou ensinem os deputados do PSD a comunicar, na forma e não no conteúdo.

Tem de ser gente do PSD, profissionais que ajudem, mas não para fazer como as agencias que impõem certas coisas, que não resultam e pronto…

Aliás, espero que nunca mais embarque, naqueles brasileiros… deu no que deu… a nossa realidade é outra!

Somos Portugueses e já agora, mostre essa diferença no PSD, no Grupo Parlamentar, mostre que é Presidente e recrutar uma ou duas pessoas militantes, e não esses independentes.

Boa sorte! Precisam muitos deputados de saber comunicar, mas na forma, na maneira como falam e não no que dizem.

Tirando meia dúzia, os outros temos de concordar que… escrevem alguns bem, mas falar ao povo!...

O senhor Sabe…

Abraços,


M. José Salgado

paf disse...

Aí está um exemplo claro de um "fait divers" que "eles", com a prestimosa colaboração de alguma "central de comunicação", tentam a todo o custo em transformar em "facto político". Lá teremos amanhã, o "sábio e douto comentário" do divertido e pigarreante Prof. Marcelo; no dia a seguir será a vez do cada vez mais "redondo" (no comentário, é claro...)dr. Vitorino deitar umas achas para a fogueira; na terça, entre umas quantas fungadelas, a versão masculina de Margarida Rebelo Pinto, de voz tronitante e olhar de galã da Meia-Praia, dirá umas quantas larachas; e com um bocadinho de sorte, o assunto ainda chegará até sábado, onde Limas, Monteiros e quejandos darão pena às ordens e recados de quem deles dispõe e a quem servem presurosos e obedientes. E isto já para não falar da menina Câncio que certamente não descurará a oportunidade de rapar da pena e zurzir em quiem possa beliscar o alegado consorte...
E aqui também não há dedo de nenhuma agência de comunicação?! Não, são tudo coincidências!!!

Mãe&Advogada disse...

Monárquico,

salvo o devido respeito, é VExa que está a precisar de estudar o conceito de " separação dos poderes" presumindo que estará a confundir os Tribunais com o MJ :)

Perante o caos em que vamos sobrevivendo, além do MJ, até o Ministério da Saúde se devia fundir com o MAI,

não tenho a mínima :) dúvida acerca disso.

Branca Naire disse...

Hoje ao ouvir uma deputada do Ps a falar e elogiar o que se está a fazer na saúde,fiquei perplexa. A primeira coisa que me chamou a atenção foi a forma prepotente como essa senhora interrompia os outros deputados não os deixando falar. A segunda foi a forma segura como afirmava que os portugueses tinham melhores recursos de Saúde.A terceira foi a segurança que quis transmitir ao falar da forma faseada como tudo está a ser feito. Em relação à prepotência com que interrompia as outras pessoas é um mau exemplo educativo e diz-nos a sociologia que revela ignorâcia e pouca confiança naquilo que se está a defender. Quanto a termos melhores recursos, creio que se está a esquecer que Portugal não é Lisboa, Porto e Coimbra. Recordo aqui um homem,que quando do encerramento das primeiras maternidades, enviou um recado através do ecrã de televisão no qual dizia que se o sr. ministro tivesse uma filha quando ela estivesse para parir em vez de ir para a clinica mais próxima a levasse para o Algarve. Sábio homem!Quanto ao faseamento, só é bom se servir para acabar com esta " reforma " antes de atingir a ultima fase,porque pior que cometer um erro,é persistir no erro.Digo eu! Branca Naire.

Cleopatra disse...

Mas é bom saber comunicar.
Uns nascem com esse dom. Outros... tentam aprender.
Destes, uns aprendem, outros... nem pensar.