terça-feira, 20 de abril de 2010

Treinadores

Grande Mourinho! É mesmo um caso à parte.

E, já agora, a propósito de quem deve treinar o Sporting, na próxima época, compreendo a questão de Luis Filipe Coimbra, no 31 da Armada...

12 comentários:

FranciscoB disse...

É verdade... Sempre ao lado de presidentes suspeitos... Sempre com ajudas de artistas como o benquerença...

Relativamente ao SCP não compreendo tanta decepção com esta época... Foi só porque ficaram atrás do SLB? É que nas épocas anteriores tb não ganharam nada...

Continuamos sem saber quem é o verdadeiro inimigo - o SISTEMA...

Anónimo disse...

Convinha era uma resposta a um senho muito grosseiro e beócio de cascais, que mastiga muito no ambiente e que o chamou de "aparelhista", tentando por-se ao seu nível, imagine-se!!!

É que eu acho que esse senhor e as trocas e baldrocas nas freguesias fizerem-no perder as eleições em lisboa...

Pedro Coimbra disse...

Vai ser o destaque no meu blogue hoje na rubrica grandes portugueses (vivos).
Abraço

Hugo Correia disse...

José Mourinho é dos poucos que motiva a se ver um jogo de futebol, assim como Messi(e o Barcelona de uma forma geral), Cristiano Ronaldo, toda a Liga Inglesa e por muito que me custe o Benfica desta época. Com estes e outros haverá certamente, o Futebol está vivo e recomenda-se.

Lá temos que aguardar pelos resultados como fizemos com Carlos Carvalhal quando chegou para substituir o 'menos dotado' Paulo Bento e assim sucessivamente. O problema não está no treinador. Quem está no leme de um clube não é o treinador(Mourinho e Ferguson serão a excepção).

Inez Dentinho disse...

Pensei que se referisse ao post de Afonso Azevedo Neves (10.52h) no mesmo blogue do 31 da Armada, «Escutar às portas».

silva disse...

Nem a propósito, Mourinho está de facto de parabéns, aliás duas vezes.
Uma pelo seu resultado de ontem, e outro por ter tido o bom senso de não se deixar "manipular" no caso da Taguspark/PT.
É verdade que admiramos a arrogância de Mourinho, ele conquistou esse direito, tem razão e motivos de sobra para ser arrogante, o seu passado e CV são prova disso.
Mas a grande diferença é que a demonstração da sua garra e os muitos exames por que passou, esses sim a um domingo.

Anónimo disse...

Este blog está inscrito na ordem dos advogados? É que é tudo jurista.

aborrecidinha

Marcelo Al disse...

A propósito:
PAULO Sérgio BENTO Brito.

Agora percebe-se a famosa frase do vosso Presidente:
"Paulo Bento Forever!"

(lol)
Um caso à parte.
Um abraço

Anónimo disse...

Mourinho é o maior. Mas não vai à final da Liga dos Campeões. Aposto de 10 para 1.

António Lopes da Costa disse...

Paulo Sérgio teve um trajecto notável nos clubes por onde passou. Ao contrário de alguns outros, chegou à Primeira Liga por mérito próprio: levou o Paços à final da Taça e à Europa e fez, em Guimarães, o que já ninguém acreditava que o Vitória conseguisse.
Por onde passou, montou boas equipas, que jogavam um futebol atractivo, descomplexado e disciplinado a nível táctico.
Aproveitando o trabalho digno de Carvalhal, com mais alguns reforços e sem algumas nódoas mimadas às quais ainda pagamos ordenados, tem tudo para ser um treinador campeão.
A ambição e espírito ganhador torna-o diferente. Paulo Sérgio, na minha opinião, é bastante superior a Paulo Bento e a Carvalhal. E, ao longo do seu trajecto, deu as provas que Villas Boas ainda não deu.
Que tenha sucesso!

Um abraço

Táxi Pluvioso disse...

Quem deve treinar o Sporting... não é o Mourinho.

Anónimo disse...

Nada como um postezito de futebol para animar o "pipol". E para quando um postezito sobre a menina Inês de Medeiros, lisboeta toda a vida e grande especialista em questões europeias?
Ora ide lá ver o curriculum da rapariga, que vale a pena: cinema Francês.Teatro francês e a Lisboa do Charles Lepierre. Enfim, tanto quanto me lembro, dava-se um saltinho às amoreira recém inauguradas do Taveira de vez em quando. Aí sim, aí a cidade fervilhava verdadeiramente. Era o "espírito lisboeta" no seu melhor, pelo menos, à hora de saída dos meninos du lycée

Le foyer