quinta-feira, 4 de junho de 2009

Decisivo

Continuam a aparecer sondagens para as eleições europeias com resultados muito oscilantes. Mas, agora, tem sido dominante a indicação de que o PSD pode ganhar. É muito difícil de prever, dada a elevada taxa de abstenção que se prevê e que é complicada de analisar.
Quem irá votar? Quem irá para férias? Aí estará grande parte da decisão.

12 comentários:

Sandra N. Martins disse...

Seria importante o PSD ganhar este primeiro acto eleitoral, até porque uma vitória, para além de galvanizadora, tenderá a potenciar melhores resultados nas legislativas e nas autárquicas.Para além disso, esta será uma espécie de pré-sufrágio que o Governo socialista irá enfrentar, na medida em que os resultados serão indiciadores do sentimento geral do eleitorado.
Têm sido muitos os apelos contra a abstenção, por outro lado. É certo que a próxima semana será de férias para muitos portugueses. Porém, mais do que as férias, o que poderá conduzir à abstenção é um certo sentimento preocupante de apatia, de indiferença, que vai tomando conta da nossa democracia...
Estou convicta, apesar de ser previsível que a abstenção seja significativa, que Paulo Rangel ganhará. Até porque serão os descontentes com o actual estado de coisas que votarão. Os que procuram uma alternativa credível e responsável não se absterão. E será este o início de uma onda de vitórias.

Francisco Azevedo Brandão disse...

Estou convencido que muita gente que pensava «tirar» alguns dias de férias, aproveitando os feriados, não o vai fazer para mostrar o cartão vermelho a um governo que sõ governa à vista e a reboque dos momentos críticos. Para além disso, muitos ficaram surpreeendidos com a actuação positiva de Paulo Rangel que mostrou ser um político sério com rumo certo para alcançar a vitória.
Todos nós. militantes do PPD/PSD temos que lhe dar o nosso incondicional apoio. Pedro Santana Lopes, neste aspecto, nunca me enganou: é leal, generoso e um militante de primeira água.

Jorge Diniz disse...

O PPD/PSD ganhará as eleições.
Ganhará porque o País apenas cresceu com o PPD/PSD. Com o PS... ANALISEM RESULTADOS.

Bruno Gouveia disse...

Mas o Nuno Melo é sem dúvida a pessoa com o melhor discurso, sólido e coerente e com um carisma q inspira confiança, precisamente o oposto do chefe do seu partido. E também não é Lisboa, só pelo sotaque do Norte já teria o meu voto, ou não. Estou indeciso entre ele e o Branco.

florbela silva disse...

Dr. Pedro Santana,

"O último recurso ou o voto consciente?"

Na minha modesta opinião esta camapanha decorreu se uma forma soft, pouco eficaz em termos de esclarecimento objectivo do que é a Actual UE, que á beira de um "Tratado de Lisboa" não se profilham mudanças humanistas e acima de tudo de reforço da identidade Europeia.
Passou por exemplo despercebida qual o projecto social deste novo modelo, bem como, as influências das relações transcontinentais entre principalmente Africa/ UE e relação com os Estados Unidos.
Curioso também foi decorrer uma Campanha nos E.U.A. sem se perceber muito bem qual o projecto futuro destes dois continentes em termos políticos/ económicos.
O cidadão que vota não tem o direito a ser informádo da Política Verdade? mesmo que sejam más noticias ou até mesmo catastróficas????.
Por exemplo, não assiste a informações quanto ao cenário possivel de se perder uma liderança social-democrata e a uma tendência socialista... Para decidirmos temos que ter informação, o voto consciente vale mais que 100 abstenções... Será que o MKT Politico não ensina a dinamizar consciências e a utilizar análises de pontos fracos e fortes da Opinião Pública.
Pessoalmente acho que as eleições para a UE devem ser feitas com consciência de cidadania e que todos os dias temos pessoas que mudam as nossas vidas com as decisões que tomam.
Acredito que algo começa a mudar, mas esse poder está na mão de quem sabe decidir de uma forma consciente e sincera, que não de deixa comprar com promessas ilusórias e enganadoras.
Caros companheiros (as) temos amanhã uma oportunidade de algo mudar na nossa vida, vamos ser activos e intervencionistas e não ficar em casa há espera que mudem a nossa vida sem fazermos nada por isso.

Resignação e abstenção não fazem milagres, é preciso apontar o dedo a quem queremos que mude qualquer coisa.

Florbela da Silva

Diogo disse...

Eu fico e vou votar PNR.
Abraço.

Anónimo disse...

Primeiro que tudo obrigado por ter sido ilibado em mais um caso de justiça, em que o tiro saiu de pólvora seca.
Obrigado, porque acredito em si e muitas vezes ouvimos das pessoas de quem gostamos, de amigos ou de conhecidos, em relação a personalidades por quem temos simpatia,coisas que nem sabemos se são verdade e reagimos defendendo aqueles em que acreditamos.

Ernesto Sousa
Ao contrário da tendência actual eu acredito que existem pessoas boas em todos os partidos e acredito que os políticos de qualidade pervalecerão um dia sobre os oportunistas, quando a democracia estiver mais madura e os portugueses mais educados e cultos e perceberam que o serviço aos outros é uma actividade de grande nobreza. Sei que sabe que a vida é efémera e não levamos plumas nem ouro paara o lado de lá.
Deu-me vontade de rir as declarações do ex presidente da república e do ex presidente da câmara.
O tempo que passa, traz sempre à comédia que teve sucesso, a dimensão da tragédia e o comentário patético e piedoso sobre aqueles para quem vale tudo na vida para atingirem sinistros resultados e que estão ao serviço de motivações torpes não sabem ser maiores que o momento que vivem.
Agora, depois deste desabafo, devo congratular-me por o PSD não ter feito uma campanha de circo de televisão e mesmo assim estar no bom caminho. Tenho gostado da sua discrição e acredito no seu sucesso no projecto que tem para Lisboa.
Vou votar no Paulo Rangel porque gosto de pessoas normais, que sabem falar sem gritar, que são inteligentes e cultas e não estão alinhadas na parvalheira marketing-mediática que grassa na parvónia política portuguesa da área do Partido Socialista que começa a perceber que nada está acima da verdade e para além dela nada perdura nem vale. Espero que o PSD se mantenha no caminho de dizer a verdade às pessoas e não embarque em navios condenados ao naufrágio saindo do cais das aparências e da demagogia. Porque não duvido que embora a mentira possa ganhar, terá passos curtos e fatais que os portugueses pagarão duramente.
Um abraço e lembre-se que tem de ter os papelinhos à mão para as próximas pérolas dos seus inimigos fidagais.

Lynce disse...

Sabendo que estamos perante o pior governo desde D. Maria II, batidos que estão todos os recordes
de desgraças, sabendo ainda que temos sido governados por gente mentirosa, falsa, arrogante e incompetênte, como não consegue o PSD subir nas sondagens e descolar definitivamente do PS? Estará o PPD/PSD a viver uma crise de liderança? Será um problema de mobilização? Ou será porque se afastou das bases? Definitivamente o partido não consegue tirar dividendos do desgaste de Sócrates e, a continuar assim, tenho sérias dúvidas que consiga ganhar as eleições legislativas.
O que faltará ao PPD/PSD para se impôr? Se calhar é tarde de mais para reflectir sobre isto.

Anónimo disse...

Considero estas eleições a 1ª volta das autarquicas e legislativas, sinceramente acho que vamos vencer e provar que as sondagens são feitas por quem interessa e para quem interessa.

miguel vaz serra...... disse...

Dr.Santana Lopes
E agora?
Depois de uma noite de provas, de que o PSD-PPD afinal está unido, de que o PS está afundando com o peso negativo, arrogante, nefasto, sem crédito algum já na sociedade portuguesa ( que leva o seu tempo mas acorda depois de uns bons cafezinhos.. ), do seu votado que não natural, líder, que afinal o CDS-PP está bem muito obrigado e recomenda-se, que o BE ultrapassou o encapuçado PCP naquela coisa da Apu ou Cdu ou lá como se chama, prova-se também algo que é gritante e suficientemente nojento para que de uma vez por todas seja dito bem alto. As sondagens estão totalmente manipuladas e dão sempre, mas descaradamente, mais votos ao PS. Sempre! E isto vem de há anos e continua sem ser dito alto e bom som. Nunca mais esqueço aquela sondagem que dava em 2001 uma vitória esmagadora do PS em Lisboa e o Dr.Santana Lopes lá muito atrás….3 dias,3 dias depois o Dr. Santana Lopes ganhou…
Hoje como então, os votos falaram mais alto e espero que para calar de vez estas sondagens tendenciosas de nunca mais ninguém vai seguir.
O CDS-PP quase se dava por extinto! 2 a 3% como muito….o PS sempre á frente…não se sabe bem é de quê… e agora vê-se como é o resultado real dos votos. Penso que é muito importante começar a desmascarar os resultados de algumas sondagens e fazer-se um estudo a apresentar a quem de direito para protestar contra esta forma de tentar desmoralizar os votantes que fazem oposição ao partido que ,ainda que por pouco tempo, está no poder.
Parabéns ao PSD-PPD, á sua Presidente pela mostra de inteligência e saber esperar e ao povo que afinal ainda sabemos ver quem mente com todos os dentes da boca………

João Santos disse...

31% não é um resultado brilhante! Era o que nos davam as sondagens quando MFL e 'miguitos' barafustavam dia e noite...
Esta vitória -afinal o PS teve menos!-não pode ser extrapolada para as outras eleições:

-nas autárquicas, há o factor humano local -um bom elemento leva as pessoas a votar nele independentemente do partido; e

-nas legislativas, as pessoas votam para um governo. Há muito voto útil, que nesta eleição se exprimiu livremente.

Quem pense que o PSD está unido, pensa mal. Muitos militantes NÃO VOTARAM PSD -afinal nada de novo. Talvez estejam a pensar em ser presidentes, nas próximas eleições internas...

O que acontece é que, os opositores a esta direcção, nacional não têm a mesma noção de moralidade, de quem lá está; ou são Cristãos -não faças aos outros o que não gostaste que te fizeram a ti.

Parabéns Pedro, pela sua dignidade: «havia muita gente para estar na sala». Ihihihihih! Esta doeu, se acaso houver um lampejo de dignidade, em algumas pessoas. E mais não digo...

Jorge Cabral disse...

Caro Pedro,
Em matéria de sondagens tenho que confessar que houve uma única fonte, que eu saiba, que já vinha anunciando a vitória do PSD (em termos de sondagens)há pelo menos 3 semanas atrás. Trata-se do Blog PAUPARATODAAOBRA, de João Severino, conhecido jornalista da velha guarda e que sempre terá as suas fontes genuínas, ou melhor, imunes à manipulação com que os resultados, fosse qual fosse a origem (excepção à Marktest mas já mais para o final) das respectivas sondagens veículadas a público.
Hoje já estão devidamente desmascaradas as práticas de controlo que o "poder instituído" exerceu junto de todas as empresas de sondagens. É lamentável que se chegue a esta falta de vergonha.
Para si os meus sinceros parabens pelo facto de mais uma vez ter demonstrado a sua verticalidade e dedicação ao Partido. Na verdade, o comportamento da maioria dos seus pares, doutos barões, foi lastimável, tendo sido raros os que deram a cara e ajudaram, limitando-se isso sim, a dizer mal, fazer promessas para que o Partido perdesse e preparando-se para no dia seguinte virem pedir a cabeça da lider. Já no seu tempo essa escumalha o tramou a si. É tempo de os mandarem às urtigas, porque o PSD tem muitos e bons quadros e não precisa dessa cambada para nada.