quarta-feira, 9 de novembro de 2011

PPPs

Importante a recomendação do Conselho Económico e Social no sentido de que seja prioridade cimeira do Governo a renegociação das PPPs. É uma questão de moral pública.  Diz o CES, também, pelo que li, que não devem ser feitas mais... Compreendo, mas as PPPs, em si, não são um modelo a rejeitar em absoluto. Não é por haver maus contratos que os contratos devem terminar. Muitas das PPPs que existem é que foram ruinosas. Continuamos todos a aguardar notícias. Auditorias, inquéritos, queixas, julgamentos, artigos sobre outras decisões, vão surgindo. Agora, sobre PPPs, nem por isso.

12 comentários:

Jorge Diniz disse...

Caro "companheiro", acerca desses "contratos" deixe-se de "TRETAS".
Basta! Não considera suficiente terem-me "gamado" (definitivamente?)os subsídios de Férias e Natal, mantendo a "sua" subvenção vitalícia?

miguel vaz serra....... disse...

Jorge Diniz...
Caro amigo.
Fiquei chocado com a sua raiva.
Já é meu papel fazer de Advogado, nem sei para que fui fazer Sociologia....
PSL não foi um funcionário público qualquer, foi PM quer "a gente" goste ou não foi.
Na altura todos recebiam essa coisa de que fala portanto seria lógico que se gente que não passou de Secretário de Estado recebia, não faltaria mais que um PM não recebesse.
Já o disse aqui uma vez e repito:
Os PR e PM deviam ser tratados de forma distinta. ( até o Zé da Covilhã pois chegou lá porque o votaram depois da “Golpada” )
Não misturando com tudo o resto que não lhe tira a razão.
Eu também acho que os subsídios não deviam ser mexidos pois os ordenados portugueses já são por si só muito pequenos.
No entanto lembro-lhe que este Governo não se endividou à bruta nos últimos 6 anos.
Foi o Partido Socialista liderado "musculadamente" por um tipo que não conhece a palavra "não" e não olha meios para atingir os fins.
E olhe, atingiu-os.
Ficou milionário, ninguêm lhe tocou nos casos de fraude e recebimento de luvas por favores que alegadamente estava metido até ao pescoço, apagaram as escutas que eram escandalosas segundo me disseram quem as ouviu e está de férias em Paris a fingir o que sempre soube fazer, fingir que estuda.
Já agora digo-lhe que a pensão que PSL recebe, segundo sei por ter lido a lei que a aplica, não tem subsídios de Natal nem Férias. São 12 pagas. Segundo li.
Já agora e como se escreveu aqui muitas vezes noutras alturas neste blog, pode-se sim poupar rios de euros em revisar certos contractos feitos pelo Governo Socialista de Sócrates que lesam com toda a pujança o Estado e já agora, que a Senhora Ministra da Justiça, puxe dos galões e meta na cadeia quem o lesou ( o Estado ).
Um forte abraço

Anónimo disse...

Acerca das PPP`s, que todos consideram ruinosas, sem indicarem, uma sequer, vantajosa para o interesse do Estado, surge-me uma dúvida de ordem jurídica que não consigo esclarecer:
Qual a diferença, jurídica, entre não cumprir o contrato com os funcionários e pensionistas e não cumprir o contrato (ruinoso) nas PPP`s?

Zé da Póvoa disse...

Acho que PSL não merecia uma "defesa" tão descabelada!!!.

maria lisboa....... disse...

E já agora relembro e por falar no Dr. Santana Lopes, que está a trabalhar de graça pois não quis receber ordenado da Santa Casa.
Porque não podia receber dos dois lados? Sim. Mas também podia ter dito que não ao PM, não aceitar o convite para Provedor e ficar em casa a ler o Jornal.
Está neste momento portanto a trabalhar como se pensão nenhuma tivesse. Outros não o fizeram ou pior. Recebem dos dois lados pois trabalham em Empresas privadas que nada aportam ao Estado.
Há coisas que devem ser ditas e eu critico quando tenho que criticar mas defendo quando devo.
Por aí não podem atacar PSL. Não é justo!
Quanto às PPP’s é um escândalo sim. Alguns contractos até assinados com Sócrates já demissionário!!!!!
Pois….

Hugo Correia disse...

Governo de unidade nacional - ainda vamos acabar por lá chegar! António Barreto acha que é um imperativo...

http://sol.sapo.pt/inicio/Politica/Interior.aspx?content_id=33465

Escusado será dizer quem tanto se bateu por essa solução em tempo oportuno...

http://pedrosantanalopes.blogspot.com/search?q=salva%C3%A7%C3%A3o+nacional


Tem sido sempre assim, corre-se atrás do prejuízo.
Fala sobre Junker na sua página do facebook, se vai constar no lado bom ou mau da história. Sobre isso não tenho dúvidas de que lado estará Pedro Santana Lopes.
Visão meus caros, Visão!!! Não é para todos.

Jorge Diniz disse...

Caro Miguel Vaz Serra, "ne sutor ultra crepidam". Assim, se foi “fazer Sociologia”, encontre na sua formação a resposta (não para a minha “raiva”, qualificativo sem “elegância” sociológica) para a minha INDIGNAÇÃO. Não faça um “papel” para o qual não foi academicamente legitimado (deixe isso comigo).
Isto posto, alguém patrocinou “as PPPs”. Não fui eu, foram os políticos!
Assim, na sequência do “post” de PSL, proferi o comentário que culminou no seu “choque”!
Essas “PPPs”, defendidas como “um modelo a não rejeitar em absoluto” por PSL, mereceram o meu repúdio, conquanto são responsáveis pelo “estado” a que chegou o Estado.
Daí, a minha indignação (na sua análise “raiva”) contra o “post”.
Na verdade, partindo do princípio que na política estão os “mais capazes e inteligentes”, a subvenção vitalícia atribuída aos políticos (por eles próprios) é, no mínimo, INSANA.
Isto porque, foram esses políticos que nos conduziram ao DESASTRE actual.
Não fui eu (leia-se, “funcionários públicos e reformados”). Mas somos NÓS (leia-se, “funcionários públicos e reformados”) que fomos CONFISCADOS para “pagar a crise”, mantendo as “subvenções vitalícias” duma “casta superior” cuja existência resulta da Lei.
Diz o meu amigo (utilizando a sua bondosa expressão) que «…o Partido Socialista liderado "musculadamente" por um tipo que não conhece a palavra…» é que nos conduziu a este “estado”!
Assim, crendo (sinceramente) estar na presença de um Homem íntegro, sincero e honesto, diga-me: PPC e PP (líderes dos Partidos que actualmente nos governam) prometeram nas suas campanhas eleitorais confiscar “os subsídios de Férias e Natal”?
Nessa senda de honestidade, diga-me: Quando “o líder musculado do PS” (usando as suas palavras) avisou que PPC iria confiscar “os subsídios de Férias e Natal”, qual foi a sua (de PPC) reacção?
Por fim, caro “amigo”, qualquer trabalhador terá a sua “subvenção vitalícia” (leia-se PENSÃO DE REFORMA) no limiar da idade (por mais empregos que tenha ao longo da sua vida laboral) ou, então, por INVALIDEZ.
Será PSL inválido? Não o creio! Mas acredito sinceramente que temos sido (des) governados por “INVÁLIDOS”.
A título de “questão prévia”: não sou “Socialista”, mas sou militante do PSD (os mais atentos, conhecem o meu nº de militante).

P.S. (não renovando o que outrora disse, para não “pagar direitos de autor”): Não peça à Senhora Ministra da Justiça para puxar dos galões. É tempo perdido.

miguel vaz serra....... disse...

PPP's, PR's PM's e
Irmãos Metralha's.........
Dr. Santana Lopes
Hoje vi as notícias da 1 e fiquei perplexo com duas.
O PR Cavaco Silva a tomar partido dos principais culpados da crise económica e financeira, os Banqueiros, contra as regras que o Governo de Portugal tentar impôr e bem no caso de eles usarem mais dinheiro,o nosso, emprestado,do Estado, de nós contribuintes.
Para agravar a situação, fá-lo desde os USA para que o Mundo ouça bem…..
Durante anos ouvimos o PR dizer que nada podia fazer para parar Sócrates de levar o País à banca rota, que levou, porque não “mandava nada”.
Bastava ter evocado uma
“falta de confiança política” e tinha acabado com o carrasco das finanças portuguesas em 24h.
Tinha mais que razões para o fazer.
Sabe-o ele e todo Portugal como também sabemos porque não o fez….”Shame”!!!!
Agora que o novo executivo tem que limpar a porcaria que Sócrates fez, está sempre a
“mandar recadinhos” pelos média e a meter-se nos assuntos internos do Governo destabilizando a já frágil força que ele possa ter.
Tem dado voz à esquerda com comentários sobre o OE e agora defende os Banqueiros que estão a ver se nos levam mais uns milhões de euros sem regras e usando-os para proveito próprio.
Faz comentários às vezes lamentáveis e não ajuda a manter uma harmonia política, que devia ser o seu único trabalho já que disse não mandar nada quando o devia ter feito.
A história julgará, queira o senhor ou não. Como julgado será Sampaio pelo que fez, que não tem classificação possível.
A segunda notícia foi ver um Ministro da Justiça, neste caso mulher, a descer a um nível digno do Bulhão com o Bastonário dos Advogados.
Os processos continuam a estar parados durante 20 anos.
As pilhas e pilhas de papelada entopem os Tribunais.
Os Juízes continuam a passo de caracol, como deuses intocáveis, a tomar decisões sobre a vida dos comuns como se fossem perfeitos
( somos o único País do mundo que não teve nunca um Juiz na cadeia por corrupção….. diz muito ).
A Justiça portuguesa é das piores do planeta e os investidores sabem-no por isso não vêm para cá e estamos preocupados em mudar coisas como que as confissões têm que ser feitas na presença dum magistrado!?
Então as Polícias para que servem?
Eu não quero ser negativo, mas a continuar assim a forma como está este Governo a “mudar as coisas” de forma geral, creio que é melhor fazer as malas e voltar dentro de 30 anos quando toda esta gente tiver morrido ou estiver na reforma.
É triste mas falo muito a sério. Há 2 meses uma família chegada com uma filha de 6 anos foi para Madrid porque não queriam que a filha crescesse numa terra de ninguém….
É realmente triste chegarmos a este ponto que para mim, sem retorno possível.
A política é governada pelos Banqueiros, o PR está do lado deles e o povo cada vez mais pobre, mais necessitado, com mais fome enquanto se fazem viagens com comitivas de dezenas de pessoas, se alugam aviões e se fazem jantaradas a torto e a direito.
Penso que vergonha já é não falar claramente sobre esta forma de ver Portugal e não escrever indignados com estas notícias que nos entram todos os dias pela casa a dentro.
Gostaria de ver P. Coelho a bater com a mão em cima da mesa e dizer BASTA!
“Quem manda aqui sou eu e ou querem acompanhar-me na difícil tarefa de salvar este miserável canto da Europa ou calem-se de uma vez!!!!” devia gritar.
Estou à espera, Senhor PM!!!
Tem todo o direito de o fazer e o povo gostaria de ver essa atitude, garanto.
Os banqueiros não foram votados, foi o Senhor!!!!!!!!
Ou se impõe agora ou será devorado por eles!

PedroSantanaLopes disse...

Cara Maria Lisboa:Quando fui nomeado para as funções que referem fui informado de que a respectiva remuneração é acumulável com pensão e/ou subvenção. Esseera o quadro há meses. A Santa Casa é uma instituição de utilidade pública mas de direito privado. No entanto, houve sempre no Estado, sempre, quem queira ver a Santa Casa como uma repartição pública. Não é! E, de qualquer maneira, mesmo que quisesse e houvesse incompatibilidade, podia sempre ter optado porque a remuneração nestas funções é superior.
Cumprimentos
PSL

Hugo Correia disse...

Para variar, dizer que fiquei muito contente com a vitória de Roger Federer no Masters 1000 de Paris. Depois da vitória de Basileia, esta de Paris vem confirmar o excelente momento de forma(depois de umas férias de 6 semanas). Praticou neste torneio um ténis de grande qualidade, talvez também por não ter a pressão, sempre incomodativa, dos principais rivais, Nadal que desistiu de participar no torneio e Djokovic que abandonou por lesão. Não invalida o mérito de um grande campeão. É bom de ver.

maria lisboa....... disse...

Caro PSL
Pois olhe. Mais razão me dá e eu nem sabia esse "pequenino" pormenor!!!
Vê? Às vezes é bom o Senhor escrever sobre os ataques que lhe fazem pois como dizemos geralmente: quem está no convento....
Agradeço a correcção e informação.
Felicidades para a tarefa trabalhosa.

miguel vaz serra....... disse...

Caro Jorge Diniz
Tem razão. A palavra "raiva" talvez estivesse exagerada, mas também o é dizer a um ex-PM que até sei que respeita, "deixe-se de tretas"...
Em relação à sua militância, olhe, eu sou do CDS e nem sei que lhe diga nem o que penso do meu Partido desde que Portas apoiou Cavaco....E quase que o obrigamos a dizer que não faria Governo com Sócrates...Não queria fazê-lo.
Lamentável. Ganhou votos da esquerda, perdeu respeito dos que em tempos muito difíceis estivemos "lá".
Tudo na vida tem um preço.....Veja as imagens dos USA e digo-lhe tudo...Sempre a 4 passos do PR com uma cara aborrecida, sem pio. E olhe que Portas sem pio....
Como lhe disse antes sou da sua opinião em quase tudo o que diz, mas esse quase é a beleza da democracia.
Só votei uma vez no PSD. Foi para a Câmara de Lisboa quando vivi lá e PSL ganhou contra Soares que me deu um certo prazer.
Se lembrar bem essa época sabe certamente que Portas também estava na eleição......
Certo que também conheço gente do PSD que votou Portas quando Manuela F L foi a votos.......
Em relação aos cursos que se fazem,nem lhe digo nada....Veja os Governos desde 1974 e o que por lá andou culminando no Diploma de Técnico de Construção ou lá o que era aquilo, de Sócrates, com a data abençoada de um Domingo e exames feitos por fax com timbre do Ministério em que estava e com notas pessoais ao professor.
Posso sim defender quem admiro, como sei que o Senhor o faria se sentisse o mesmo.
Maria Lisboa recebeu uma explicação do próprio ex-PM.
Creio que diz bastante e é louvável numa situação de emergência nacional em que há Senhores a receber ordenados de 2 e 3 mil euros sem trabalhar há 2 anos como é o caso do velho Hospital de Cascais.
E continuo sim a pensar que PR’s e PM’s deviam ter um tratamento especial pois especial é a posição.
Um abraço genuíno