segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Lá e cá

Que grande domingo de futebol! Na Liga Inglesa e na Liga Espanhola, claro. Só em dois jogos, dezasseis golos... Quatro dos quais, de Portugueses.

Por cá? Pois, por cá...

11 comentários:

mil disse...

Por cá... é a crise.
Mas deve ser porque os jogadores do campeonato português não são portugueses e não se dão com o clima...

Qaunto aos jogadores portugueses, bem como nós somos descendentes de escandinávos a bantus, damo-nos com todos os climas.

o cusco....... disse...

Estive a ler o que nos presenteou sobre as SCUT (Sem Custo para o Utilizador).
Como o nome diz tudo, penso que apesar da grande crise, há coisas sagradas. A palavra por exemplo, já não falando do que está escrito em papel.
Lá como cá, existe um princípio universal ( devia pelo menos ) de unidade e solidariedade. Isso cumpre-se com a ajuda de uns às causas de outros.
Hoje “tu”, amanhã “eu”. Na saúde, nas causas sociais.
A Santa Casa por exemplo, há séculos que trabalha nesse sentido. Claro que há sempre quem abuse. Lembro-me de como Maria de Jesus Barroso gastava disparatadamente dinheiro da Cruz Vermelha Portuguesa de forma muito pouco apropriada até ser e bem, afastada pelo então Ministro Paulo Portas.
Mas voltando ao que realmente interessa, as SCUT, não vejo mal nenhum que o dinheiro que se retire para a manutenção das mesmas seja de impostos. Para isso os pagamos.
Acho pouco saudável a desculpa de que há contribuintes que nunca as usam e as pagam.
Eu nunca fui à Madeira e aos Açores e pago fortunas para as gentes das Ilhas. Alguêm mudou isso? Não.
Há princípios que nunca deviam mudar e a solidariedade é uma delas.
No caso do Algarve, toda a gente sabe que a N-125 é agora uma simples Rua. Há muito deixou de ser estrada. Para ir de Olhão a Faro demora-se 35 minutos, o que é ridículo.
É como ir pela Av. Da República, fora dos túneis às 7 da tarde. A 125 é agora uma Rua perigosíssima em que morrem ainda centenas de pessoas todos os anos.
É portanto imprescindível que a Via do Infante continue livre de pagamento algum.
Numa fase de crise em que devíamos promover o Algarve aos hermanos Espanhóis, estamos a meter-lhes medo com portagens que eles irão também pagar.
Voltamos então à mesma história. Aqui não podem pagar uns pelos outros e vamos fazer pagar os estrangeiros? Não são Portugueses. Para que têm que pagar as nossas estradas se já as estão a pagar com os 23% de IVA de tudo o que cá gastam?
Será que até este novo Governo cegou? Bom, então é melhor fazer as malas ou meter uma pedra pesada ao pescoço e ir até uma Ponte de rio profundo.
Valha-nos Deus. Isto está de uma forma………
Para mudar de tema, vi o jogo do Sporting.
Sou Benfiquista mas achei uma vergonha a forma como o Sporting foi roubado ontem.
Assim até os jogadores desmoralizam.
Não tanto como o exagerado Presidente disse ( já agora digo ao mesmo que um melhor corte de cabelo iria dar-lhe mais credibilidade ), mas foi roubado e isso é asqueroso.
Os jogadores até se portaram bem e esforçaram-se apesar de roubados.
Chegaram ao empate 2-2….Depois até a má sorte visitou Alvalade e sofreram mais um Golo.
Se esta forma de Arbitrar continua, então é porque estamos a viver uma ditadura dentro do Futebol.
E “a mim me parece que” dizer verdades ou comentar factos publicados por Jornais que deviam ser idóneos, não é cuscar.
No entanto, se isso ajuda a melhorar as nossas vidas….haja cusquices!!!
Para isso estou!
Ajudar!!!

Corega Eh Ficse disse...

4 por portugueses ?

só 25%?

decididamente é pouco

deve haver 30% de portugueses em cada equipo...

miguel vaz serra....... disse...

Dr. Santana Lopes
Não sei se lá ou cá ou nos dois mundos, mas as coisas têm que mudar.
Sempre que agora se fala de problemas com as Polícias secretas os caminhos vão dar sempre ao mesmo nome. Silva Carvalho.
Primeiro e ao que parece, pelo menos é o que todas as televisões e Jornais deste País dizem, este Senhor andou alegadamente a passar informação confidencial a uma Empresa que depois lhe deu trabalho.
Segundo ele, tinha autorização para fazê-lo. Ou seja confirmou que o fez e ainda por cima autorizado!!!!!!!
Todos sabemos que só uma pessoa pode autorizar tamanha imoralidade e essa é a pessoa do PM. Nessa altura o PM era o Sr. José Pinto de Sousa, o Sócrates do PS a que todos teimaram, inclusive a Dra. Ferreira Leite, em chamar de Engenheiro, vá-se lá saber bem o porquê.
Agora há mais. Dizem Jornais e Televisões que alegadamente andaram a investigar vários Jornalistas.
Um era do Jornal o Público, para saber quem o informava. Para isso “picaram” o telemóvel e até liam os SMS.
Belmiro diz que nada sabe, pois o telefone é da Optimus. Quem mandava nesse tempo? Mais uma vez Silva Carvalho. Quem era o PM? O Sr. José.
Num recado mal parido, parece ser que o Sr. José, o então PM disse que não sabia de nada. Soube-o pela boca do mesmíssimo Presidente da Câmara de Lisboa, esse sim Dr., António Costa na SIC Notícias.
Dizia o Autarca que esse recado era insuficiente e que tinham que investigar tudo muito bem, criticando o ex-PM até de forma forte e mostrando irritação.( deve estar tão farto dele como todos nós ).
Porque é que não se chamou o ex-PM para o ouvirem sobre o assunto? Na AR, na PJ, na mesma Secreta? Agora é apenas um homem da rua. Sem imunidades nem tretas.
Que se passa em Portugal?
A Ministra da Justiça, Paula Teixeira da Cruz, é sem dúvida alguma uma das pessoas dentro do PSD com mais visão do que queria para este País. Prometeu mudar a (in)Justiça em Portugal.
Pois bem. É hora. Já está até a ficar tarde.
Queremos saber tudo, mas tudo sobre este assunto.
Não me digam que o anti-Sócrates, António José Seguro, ironia do destino, vai querer salvar o mesmo usando a amizade de décadas com o actual PM….
Acompanhando o caminho de Pedro Passos Coelho há tanto tempo, não acredito que essa amizade o pare de fazer a limpeza tão prometida como desejada!!!

Hugo Correia disse...

8,850 milhões de euros por Elias? Futebol tem mostrado pouco, mas dinheiro parece não faltar ao Sporting. Alguma coisa parece não bater muito certo neste clube. No mínimo, uma contratação com um risco tremendo.

maria lisboa....... disse...

Só lá…..( si dó )
Não sei se será porque a RTP está à venda mas os empregados agem de forma bizarra…É como os que andam a correr 90 minutos atrás de uma bola sem saber escrever nem o nome e ganham mais numa semana que nós a vida toda depois de anos de Universidades e Mestrados…
Fazem tudo para chamar a atenção. Nem que para isso seja necessário depilar-se como o mulherio, parecendo Travestis durante o dia, sem maquilhagem, sobrancelhas e não só, e comprarem crianças que parecem não conseguir fazer.
Hoje olho por acaso para a TV e vejo um sujeito deitado no chão, a fazer caretas e reconheço o Dentinho. Fiquei estupefacta sem saber o que era aquilo nem o que realmente pensar do rapaz mas depois apercebi-me que estava numa varanda dum Hotel a ouvir tiros na rua como se estivesse barricado no meio de uma guerra às portas da morte.
Como se não chegasse vi depois uma senhora de gatas a fazer um número parecido na mesma varanda pois a parede era igual e da mesmo cor, a do Hotel.
O pior que se pode fazer é insultar a inteligência do público.
O “lenço preto” não entende nada de nada, as filhas não dão atenção aos Noticiários e os netos estão a fumar droga ou no Magalhães a ver sites de mulheres nuas…
Para que insultar-nos assim?
Não pensam um segundo no ridículo que fazem???

o cusco...... disse...

“Ricardo Carvalho renuncia à selecção
Expresso Online - 3 horas atrás
Ricardo Carvalho anunciou que vai abandonar definitivamente a selecção nacional, alegando ter-se sentido "desrespeitado e ferido" na sua dignidade. ...”

Que se passou com Ricardo?
Sempre foi dos jogadores mais discretos e educados e sai assim?
Depois põem a princesa depilada que devia beijar a relva que Ricardo pisa, que é um zero ao lado da carreira brilhante de Ricardo a comentar?
“Nenhum jogador é cativo”, dizia a depilada princesa…Não? Então porque é que a princesa joga sempre????
Bom, joga não. Metem-na lá no campo e quando os colegas lhe metem a bola no pé, lá tenta mexê-lo.
Uma pessoa que nunca marca golos nem joga nada na selecção, nem corre no campo, um escândalo de milhares de euros transferidos dos nossos bolsos para um tipo que não faz nada na selecção a falar dum Senhor como Ricardo Carvalho, assim sem respeito nenhum.
Bento enlouqueceu de vez? Já se esqueceu das razões de ter saído do Sporting e de que nem encontrava trabalho até o “recolherem” na selecção aproveitando a saída de outro complicado caso luso?
Isto começa bem…Um treinador arrogante e uma princesa depilada com manias de vedetismo….
Que dupla!!

miguel vaz serra....... disse...

Dr. Santana Lopes
Vi este comentário num perfil de um familiar meu numa rede social e achei que trazendo-o aqui seria lido por alguêm que possa travar tal injustiça.
Afinal é verdade, as pessoas SÃO OBRIGADAS a abrir conta na CGD...

“”A Caixa Geral de Depósitos (CGD) está a enviar aos seus clientes mais modestos uma circular que deveria fazer corar de vergonha os administradores - principescamente pagos - daquela instituição bancária.
A carta da CGD começa, como mandam as boas regras de marketing, por reafirmar o empenho do Banco em oferecer aos seus clientes as melhores condições de preço qualidade em toda a gama de prestação de serviços, incluindo no que respeita a despesas de manutenção nas
contas à ordem.
As palavras de circunstância não chegam sequer a suscitar qualquer tipo de ilusões, dado que após novo parágrafo sobre racionalização e eficiência da gestão de contas, o estimado/a cliente é confrontado com a informação de que, para continuar a usufruir da isenção da comissão de despesas de manutenção, terá de ter em cada trimestre um saldo médio superior a EUR1000, ter crédito de vencimento ou ter aplicações financeiras associadas à respectiva conta.
Ora sucede que muitas contas da CGD, designadamente de pensionistas e reformados, são abertas por imposição legal.
É o caso de um reformado por invalidez e quase septuagenário, que sobrevive com uma pensão de EUR243,45 - que para ter direito ao piedoso subsídio diário de EUR 7,57 (sete euros e cinquenta e sete cêntimos!) foi forçado a abrir conta na CGD por determinação expressa da Segurança Social para receber a reforma.
Como se compreende, casos como este - e muitos são os portugueses que vivem abaixo ou no limiar da pobreza - não podem, de todo, preencher os requisitos impostos pela CGD e tão pouco dar-se ao luxo de pagar despesas de manutenção de uma conta que foram constrangidos a abrir para acolher a sua miséria.
O mais escandaloso é que seja justamente uma instituição bancária que ano após ano apresenta lucros fabulosos e que aposenta os seus administradores, mesmo quando efémeros, com «obscenas» pensões (para citar Bagão Félix), a vir exigir a quem mal consegue sobreviver que contribua para engordar os seus lautos proventos.
É sem dúvida uma situação ridícula e vergonhosa, como lhe chama o nosso leitor, mas as palavras sabem a pouco quando se trata de denunciar tamanha indignidade.
Esta é a face brutal do capitalismo selvagem que nos servem sob a capa da democracia, em que até a esmola paga taxa.
Sem respeito pela dignidade humana e sem qualquer resquício de decência, com o único objectivo de acumular mais e mais lucros, eis os administradores de sucesso.
Medita e divulga... Mas divulga mesmo por favor...
Cidadania é fazê-lo, é demonstrar esta pouca vergonha que nos atira para a miserabilidade social.
Este tipo de comentário não aparece nos jornais, tv's e rádios... Porque será????””

Aqui fica.
Mais uma das imensas coisas que tem que ser mudadas em Portugal.

miguel vaz serra....... disse...

Dr. Santana Lopes
O Jornal I publicou um artigo sobre as visitas que o ex-líder Socialista anda a fazer a políticos estrangeiros.
Muitas perguntas há a fazer sobre esta bizarra situação.
Como é que o chefe da Diplomacia Portuguesa não comenta tal facto? e como gere o PM esta situação que considero de perigo e mau gosto?
E o líder do PS António José Seguro que pensa de isto?

“……Afinal José Sócrates não está em retiro ou a estudar Filosofia em Paris. Os seis anos que esteve no poder continuam a marcar a sua vida. O vício da política e de estar no centro das decisões nacionais e europeias levou-o a Berlim e a Madrid, não fosse Passos Coelho pensar que tinha o caminho livre nas suas deslocações pela Europa.
Sexta-feira passada, Sócrates encontrou-se em privado com a sua grande amiga Angela Merkel. O encontro foi confirmado ao i pelo gabinete de imprensa do governo federal alemão. Os temas discutidos ficaram no segredo dos deuses, mas com certeza que a situação portuguesa, as posições do governo do PSD/CDS e a forma como a Alemanha tem enfrentado a crise das dívidas soberanas na zona euro estiveram no centro da conversa privada. O que não deixa de ser curioso, já que este encontro aconteceu uma semana antes de Passos Coelho aterrar em Berlim para um encontro com Merkel. O primeiro- -ministro chega hoje à Alemanha e vai por certo encontrar uma Angela Merkel com um conhecimento profundo de tudo o que se passa em Portugal. Resta saber se vai encontrar um caminho aberto ou um terreno minado pela diplomacia paralela, a que Sócrates parece estar dedicado………………..”
http://www.ionline.pt/conteudo/146473-socrates-foi-berlim-ter-um-encontro-sos-com-merkel

Os nossos média que às vezes não se calam com coisas que só na cabeça deles é estranha, porque andam tão calados com esta negativa e estranha situação?
Que se passa realmente aqui?
Que faz este senhor realmente na vida?
Quem lhe paga estadias e viagens nestas visitas bizarras?
Que vai lá fazer?
De que falam?
Melhor, de que podem realmente falar, sendo José Pinto de Sousa um normal cidadão?!
E porque é que os outros o recebem? Porquê?
Se isto tudo não é estranho, então este País está mesmo doente.
Os meus olhos e ouvidos vão para Paulo Portas que tem como mínimo a obrigação de esclarecer o povo sobre esta situação de escândalo diplomático….
Podemos realmente dormir descansados em Portugal?

raisuna adimar disse...

Por cá acho que está tudo lixado dos cornos, ainda não se aperceberam do que ai vem.

Business as usual
De resto é como no futebol
Enfim há gostos para tudo

Ricardo Araújo disse...

Boa noite Dr. Santana Lopes, realmente é outro futebol, por cá só me faz impressão o valor gasto pelos clubes em tempos de crise.
Também noto que os nossos clubes não apostam na formação, por exemplo o Benfica nem joga com Portugueses, o Porto joga com dois e o Sporting joga com quatro, já para não falar na legião de estrangeiros a jogar nos restantes clubes, até mesmo na segunda divisão.
Penso que a federação de Futebol devia tomar posição sobre esta matéria, obrigando os clubes a jogar pelo menos com cinco ou seis jogadores com nacionalidade Portuguesa.
Temos de investir em produtos da casa, o Sporting fez grandes negócios com a prata da casa (Figo, Simão, Nani, João Pinto, Ronaldo, etc...), agora aposta em estrangeirada.
Vimos jovens com muito talento na selecção de sub-21, um deles é defesa central do Sporting, e o Sporting não tem melhor, outro é o avançado do Benfica que é bem melhor do que o Cardoso.
Enfim continuamos a olhar para o que bem de fora, como se fosse melhor.
Podemos pegar neste exemplo e transformá-lo no resto da nossa economia, onde pensamos que tudo o que vem do estrangeiro é bem melhor do que o nosso, e posso afirmar que estamos bem errados, "pois o que é nacional é que é bom".
Um grande abraço, cordialmente.
Ricardo Araújo