sábado, 31 de outubro de 2009

"Plano inclinado"

A SIC Notícias criou um novo espaço de debate sobre a situação nacional. O nome é um pouco negativista, "Plano Inclinado", mais isso é o que interessa menos. O que importa é ser para falar a sério de assuntos sérios. a moderação será de Mário Crespo - garantia de qualidade - e os residentes serão Medina Carreira ( sempre muito pessimista), João Duque, (equilibrado e frontal ), novo Presidente do ISEG, e Nuno Crato, que nunca li nem ouvi.
Bom para Portugal, que se trate, devidamente, do que é importante.

8 comentários:

Anónimo disse...

Parece-me que os 3 convidados deste programa vão transformá-lo num sucesso de comentário, sem alinhamentos e com bom senso. Incluindo o Nuno Crato, um professor universitário da área da Matemática e Estatística. Aguardemos.

PC

Anónimo disse...

Plano Inclinado:
Dr. Santana Lopes, até estou de acordo consigo quanto ao nome do programa... mas escrever de "e nunu Crato, que nunca li nem ouvi"
Nunca ouviu falar do Prof. Nuno Crato, nunca o ouviu falar na TV??? Nem quero acreditar! Ó homem isso já nem é falta de cultura... é falta de atenção! Pesquise na net, caramba!
Deixo-lhe algumas sugestões:
http://pascal.iseg.utl.pt/~ncrahttp

http://images.google.pt/images?hl=pt-PT&source=hp&q=nuno+crato&um=1&ie=UTF-8&ei=Dq_sSsngBozLjAf_yaylDQ&sa=X&oi=image_result_group&ct=title&resnum=4&ved=0CBwQsAQwAw

http://www.educare.pt/educare/Actualidade.Noticia.aspx?contentid=1E598C5892406CFBE0440003BA2C8E70&opsel=1&channelid=0

Gaivota em Terra

Anónimo disse...

V. Excia ainda não tinha reparado?
Desde as eleições e aquela fantástica mesa, "adonde" se sentavam comentadores, inquisidores, argumentistas e afins, que terminava justamente numa espécie de rampa de lançamento, mas invertida, que a coisa está em plano inclinado.
A mesa não foi um simples "fait divers", foi mesmo uma estratégia, rumo à inclinação.

P.S.Estive a ver os blogues que consulta e não consta o 31 da armada, o que é uma falta imperdoável, por se tratar de uma casa de bom gosto e V. Excia ser um cavalheiro de bom gosto.

Com os cumprimentos,

Marquesa de Carabás

Anónimo disse...

Só devia haver um comentador que era o Medina, ele sozinho chegava para arrasar com esta gente nojenta que nos governa.

Bruno Pinto disse...

Para mim, o programa devia constar de apenas um convidade o DR. Medina carreira e pelo melhor jornalista português que é o Dr. Mário Crespo... já agora,.. deixo uma sujestão para os directores da sic notícias, na vez de um programa semanal ao sábado, deviam fazer um programa todos os dias, de preferência no horário nobre, e acabar com a porcaria das novelas, que não são educativas, e põem o povinho ainda mais parvo do que é. Podia ser, que as pessoas começa-sem a ganhar juízo e a ver a realidade.

Fica a sugestão

Bruno Pinto

Pedro Oliveira disse...

Esse será dos poucos programas onde se fala a verdade. Medina Carreira não é pessimista. Ele até foi optimista, pois ele até esperava que a taxa de endividamento estabilizasse, mas não, ela piorou e muito: nos últimos anos passou de 50 milhões de Euros/dia para 60 milhões Euros. Tudo o que produzimos apenas dá para pagar os juros da dívida externa. Qaundo se nos acabar o crédito como vai ser? Mais quanto tempo aguentamos no Euro? Os programas políticos já não interessam nada, os programas são completamente irresponsáveis, PS ou PSD vai dar tudo ou mesmo... O país caminha, cada vez mais depressa, para o abismo. Este programa deveria era dar em "Prime Time" em vez das estupidificantes telenovelas portuguesas ou noticiários politico-paridários que apenas noticiam disparates ou quesílias políticas que não nos levam a lado nenhum. Bem hajas, Sic Notícias!

Anónimo disse...

Pedro Santana Lopes devia documentar-se melhor.

Dizer-se que Medina Carreira é péssimista (já é um lugar comum dizer-se isso dele, pode ser que sim e tem razão em sê-lo) eu até o compreendo, porque Medina Carreira não tem mesmo paciência nenhuma para a brincadeira, a charlatanice, a palermice e desgoverno da républica e muito menos para com aquele que anda cego com o Poder e que País lhe conferiu mais uma vez esse Poder, e o senhor sabe muito bem que assim é. É tudo menos que nada, já só serve para gerir a mizéria portuguesa o melhor que sabe.

Dizer que nunca ouviu falar de Nuno Crato ou que desconhece tal personagem também é estranho, pois toda a gente ouviu falar do excelente professor de matemática do Ensino Superior, quase que me faz lembrar aquela pérola do Louçã do "Não conheço", referindo-se ao elemento que andou a fazer uns estragos nas culturas de milho trangénico no Algarve há uns 2 anos atrás.

J.L. disse...

Nuno Crato é do melhor que alguma vez me foi dado ouvir, desde há muito, na Televisão Portuguesa.

A sua serenidade e o seu bom senso são, sem dúvida, pérolas raras no Portugal de hoje.

Neste programa só faltava, também, o bom senso e a boa disposição saudável do Dr. Sousa Homem. Seja ele lá quem for. Para que, nos temas sobre educação, abordasse a problemática [ehehehe] do "arbítrio das coisas" e da transformação da "puericultura" em "pedagogia" [ http://antonio-sousa-homem.blogspot.com/2008/02/o-arbtrio-das-coisas.html ].

Cumprimentos.