segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

"Avaliações"!!!...

Também fez dez anos sexta-feira passada, dia 14, que foram eleitos Presidentes de Câmara, vários dirigentes do PPD/PSD. Entre eles, Luís Filipe Menezes ,em Vila Nova de Gaia. E é consensual que tem feito um grande trabalho.
Este fim- de- semana, pelo que me contaram, houve quem quisesse fazer a sua avaliação, como Líder do PPD/PSD pelo trabalho realizado em oito semanas. Os mesmos que diziam e escreviam, sobre o anterior Presidente do Partido, que precisava de quatro anos para poder ser sujeito a uma justa avaliação, pretendem agora, chegar já a conclusões sobre Luís Filipe Menezes. Não tem classificação.
É bom ter bem presente que o PPD/PSD nunca conseguiu nada com as pessoas que esses "avaliadores" preferem. É muito mau sinal quano um Líder do PPD/PSD (ou de outro Partido...) é muito elogiado pelos seus adversários. Ser muito criticado não é garantia de que seja a boa solução. Mas ser muito elogiado é a certeza de que algo está errado.

3 comentários:

maria disse...

Sim, ser elogiado pelos adversários é mesmo suspeito,dá para duvidar.
A não ser que o adversário passe para o lado da barricada, e, então, tal como Freitas do Amaral é-lhe erguido um pedestal.

Eolo disse...

Não posso estar mais de acordo!!!
O "engenheiro" ainda não pode ser avaliado...só quando o barco estiver a pique!Como aconteceu com Guterres.

O Governo Santana Lopes foi avaliado ao fim de 24 horas.Filipe Meneses e o grupo parlamentar do PSD idem.
São os grupos de comunicação que temos em Portugal,propriedade de alguns "fundadores".

Não entendo,no entanto,porque se deixam enredar os parlamentares da oposição nas críticas de Sócrates,quando contra-argumenta.
Até hoje não vi trabalho verdadeiramente profissional,no levantamento das contradições do "engenheiro".Todos conhecem os discursos antigos que se situam nos antípodas do que hoje faz.

Quando os srs são atacados pela gestão governativa anterior,deixam-se arrastar para esse terreno,permitindo que se fuja dos problemas actuais e que realmente têm relevo.
Qualquer analfabeto pega nas intervenções públicas do indivíduo,pesquisando os jornais e fá-lo cair rápidamente no ridículo.
Mas inexplicávelmente tem ocorrido uma inversão de papéis.

Um absurdo!
Sobretudo quando os Governos socialistas são,desde 74,autênticas catástrofes.E eles não têm os vossos complexos.

Outra interrogação que me assalta é como será possível fazer boa oposição sem um suporte que permita uma fácil passagem para o domínio público de informação séria e vital para que as pessoas,constantemente esmagadas pela acção psicológica governativa,possam formular uma opinião ajustada.

Boa sorte Pedro,tem uma tarefa bem dificultada.

A Mim Me Parece disse...

Caro Dr. Pedro Santana Lopes

Parece-me que vai ter um longo deserto para atravessar! O que é novo para si. De facto, tendo nascido politicamente com o poder de Sá Carneiro, foi exercê-lo no Sporting enquanto o PSD de Cavaco Silva não o alistou nos seusgovernos. Nos tempos de Guterres foi exercê-lo, ao poder, na Figueira da Foz e, já não me lembro quando, foi experimentar as delícias do Parlamento Europeu. Mas agora é o tempo e olhar o poder do lado da oposiçao. E não me parece que seja por pouco tempo. Infelizmente.